IPOG Cast EP.5-Psicologia: Formei! E agora?
3 minutos de leitura

IPOG Cast EP.5-Psicologia: Formei! E agora?

‘O que eu vou fazer agora que terminei a faculdade?’, ‘Em qual área eu vou atuar?’, ‘Eu vou trabalhar como autônomo ou em uma organização?’, ‘Como é que eu posso trabalhar em uma empresa?’. Essas e tantas outras perguntas devem permear sua cabeça após ter concluído a graduação em Psicologia, não é mesmo? Saiba que para estes questionamentos, existe um mundo de possibilidades.

Com o propósito de ampliar essa discussão, os professores Nayara Rachid, Caio Fábio Martins e Jéssica Amorim exploraram possíveis caminhos que a Psicologia oferece aos recém-formados na área e como enfrentar os desafios que surgem no início da jornada profissional, em uma conversa conduzida pelo CEO do IPOG, Ronan Maia, no quinto episódio do IPOG Cast – o podcast que coloca sua inteligência em movimento.

Confira abaixo os principais insights compartilhados pelos especialistas durante o bate papo.

Aumento da demanda por Psicologia

A Psicologia está se tornando cada vez mais importante em diversos setores da sociedade, como empresas, escolas, hospitais e até mesmo no mercado esportivo. Essa crescente reflete uma mudança cultural e uma maior compreensão da importância do cuidado com a saúde mental.

Diversidade de áreas de atuação

Durante o encontro, a convidada Nayara Rachid, coordenadora e professora do curso de graduação em Psicologia do IPOG, destacou que a área está em constante crescimento e oferece diversas possibilidades de atuação, além da clínica tradicional. “Eu não consigo falar é onde não está a crescente da Psicologia. Em qualquer área conseguimos atuar, justamente porque o nosso foco é o ser humano, ele está em todo lugar”, afirma a coordenadora.

Importância da reflexão crítica

No bate papo, o doutorando em Psicologia e professor do IPOG, Caio Fábio Martins enfatizou que os psicólogos precisam ser profissionais reflexivos e críticos, capazes de se adaptar às diferentes demandas do mercado e propor soluções inovadoras. “Nós temos de 1960 para cá, o movimento humanismo, que propõe a ideia de que estamos vivendo em um mundo com muita volatilidade, esse mundo não alcança respostas objetivas, preto no branco e precisa de reflexões. Com base nisso, a gente começa a ter a Psicologia não mais com uma área pronta ou de um fazer pragmático, mas uma área de reflexão.

Martins complementa que “a partir desse senso reflexivo, a Psicologia começa a ser uma área muito mais de capacidade crítica e de um olhar atento. Atualmente, o desafio dos professores da área é de construir profissionais reflexivos, que cheguem no mercado de trabalho e proponha uma área de atuação que ainda não exista, com base nas necessidades humana.”

Desenvolvimento de habilidades empreendedoras

Para os recém-formados que desejam empreender na Psicologia, há a necessidade de desenvolver habilidades empreendedoras, como marketing, gestão de negócios e networking. “Como eu precifico, como eu cobro pela minha hora, quais habilidades eu preciso desenvolver no meu campo de atuação, essas são algumas premissas essenciais para desenvolver esse lado autônomo. Você precisa de habilidades de gestão, de captação de clientes, pós-vendas, entre outras. Mesmo que se estude isso, é desconfortável na prática”, é o que destaca Jéssica Amorim, mestre em Psicologia e professora de graduação.

Autoconhecimento e análise de mercado

É fundamental que os psicólogos se autoconheçam e analisem o mercado de trabalho para identificar as melhores oportunidades de atuação. “Tenho percebido o quanto a ideia de saúde mental tem sido explorada e o quanto isso tem demandado em todas as áreas. Então temos uma crescente na organizacional, porque precisamos trabalhar a parte da felicidade, do bem-estar, precisamos reduzir a quantidade de afastamentos nas organizações, que a cada dia que passa é ainda mais acentuado. Temos o atendimento na clínica que tem também essa crescente, a ansiedade tem demandado cada vez mais dessa área, os próprios transtornos que hoje são mais discutidos abertamente”, afirma Rachid, coordenadora do curso de Psicologia no IPOG.

Dicas para os recém-formados em Psicologia

Confira abaixo algumas dicas compartilhadas pelos convidados durante o encontro que podem ajudar você a dar os primeiros passos na carreira de forma assertiva e consequentemente, estar apto a se destacar no mercado de trabalho de forma eficaz e alcançar os objetivos profissionais.

Buscar experiências em diferentes áreas: É importante que os recém-formados busquem experiências em diferentes áreas da Psicologia para identificar sua vocação.

Fazer cursos de extensão e especialização: Os cursos de extensão e especialização podem ajudar os psicólogos a se aprimorarem em áreas específicas de interesse.

Participar de eventos da área: Os eventos da área de Psicologia são uma ótima oportunidade para networking e atualização profissional.

Utilizar as redes sociais: As redes sociais podem ser utilizadas para divulgar o trabalho e se conectar com outros profissionais da área.

Por fim, explore neste quinto episódio do IPOG Cast orientações práticas e uma visão realista do campo da Psicologia e saiba mais como enfrentar os desafios iniciais da profissão com mais confiança . Além disso, nessa conversa você poderá explorar todas as possibilidades que o mercado oferece e refletir sobre o que mais se enquadra com os seus objetivos profissionais.

Artigos relacionados

10 profissões em alta em 2018. Confira! O ano de 2018 promete ser de retomada na economia. Mesmo em passos lentos, o mercado volta a reaquecer. E as empresas anseiam por isso para retomar com a contratação de funcionários. Por isso, se você está por aí em busca de uma vaga de trabalho ou até mesmo p...
Como um gestor de negócios pode impulsionar sua carreira? Um gestor de negócio nem sempre está disposto a colocar sua capacidade e energia nas coisas que realmente importam. Em boa medida, são engolidos pela rotina do dia-dia, dos prazos para cumprirem compromissos e isso lhes rouba tempo precioso para pensar novos r...
5 escolhas para a produtividade A Tecnologia da Informação ampliou imensamente nossas capacidades. Conseguimos acessar praticamente todo o conhecimento humano em questão de segundos. Podemos nos comunicar com qualquer pessoa em qualquer lugar. Com um simples toque na tela podemos comprar um ...

Sobre Assessoria de Comunicação

Equipe de produção de conteúdo IPOG. Responsável : Bruno Azambuja - Gerente de Marketing - bruno.azambuja@ipog.edu.br