Alunas IPOG vencem Maratona Archaton e assinam ambiente na Casa Cor Brasília
4 minutos de leitura
11 de outubro de 2017

Alunas IPOG vencem Maratona Archaton e assinam ambiente na Casa Cor Brasília

Do dia 22 de setembro a 8 de novembro, a Casa Cor Brasília 2017 promete surpreender os visitantes. E quem for a Mostra poderá apreciar a Biblioteca & Galeria de Arte da Família Colecionadora. Um espaço com 89 m² projetado por duas alunas do IPOG: Julyanne Alves e Aline Ferreira, como prêmio depois que venceram a Maratona Archaton.

As vencedoras se inscreveram na competição como Estúdio AJT, composto pelas duas especialistas pelo IPOG e também pela arquiteta Thaís Rodrigues. Entre 30 equipes inscritas, elas se destacaram com o projeto criado e hoje participam da mostra.

Maratona Archaton

Realizada pela primeira vez em Brasília, é a maior maratona de arquitetura e design das Américas. Voltada para jovens profissionais, recém-formados nos cursos de Arquitetura ou Design de Interiores, há, no máximo, 5 anos, tem como objetivo dar uma chance para quem está começando.

São três dias de evento:

  1. Na primeira etapa, realizada no dia 16 de agosto, os participantes passaram por várias palestras e bate-papos com profissionais que atuam no mercado. Foram tratados temas como Empreendedorismo e Tendências no Mercado de Arquitetura.
  2. Já a segunda etapa foi a Maratona Criativa, no dia 17 de agosto. Os participantes, inscritos em trios, tiveram 12 horas para projetar um ambiente para a Casa Cor. Para isso, precisavam seguir um briefing com instruções dos patrocinadores.
  3. A terceira e última etapa foi a apresentação dos projetos e o julgamento dos projetos inscritos. Depois de horas focados, em imersão para a criação do projeto, os competidores tiveram apenas 5 minutos para fazer a defesa de cada criação.

E foi exatamente depois dessas 3 etapas que o time composto pelas alunas do IPOG recebeu a notícia da vitória e conquistaram o cobiçado lugar na mostra brasiliense.

Oportunidade única

A Maratona Archaton já revelou talentos em São Paulo, Minas Gerais, Espírito Santo e Santa Catarina.

Durante a competição, os participantes puderam conversar e contar com a mentoria de arquitetos que são grandes nomes no segmento.

Segundo os organizadores, o objetivo da Maratona é possibilitar que os participantes tenham o desafio de participar de um projeto colaborativo, que servirá de vitrine para os novos talentos e vai fomentar o mercado de arquitetura e design da região.

Experiência Alunas IPOG

Segundo Aline Ferreira, foi tudo uma grande surpresa.

“Deram o briefing no momento. Então a gente não sabia de nada, era tudo surpresa. Pediram uma Galeria de Arte e a Biblioteca da Família Colecionadora”.

Ela explica que além de precisar cumprir o projeto dentro do tempo determinado, as equipes tinham que fazer algumas entregas obrigatórias. E é aí que Aline comemora: “Entregamos mais do que pediram, é claro!”. As arquitetas também tiveram que usar itens de patrocinadores.

“Estamos radiantes, muito felizes. Afinal, a Casa Cor é um evento de muito prestígio. Agradeço também ao IPOG, porque foi na pós-graduação que eu conheci a Ju e a gente logo deu certo. Foi uma conexão fantástica! E que resultou nisso. Um projeto maravilhoso que está abrindo portas e janelas pra nós”.

Saiba mais sobre o ambiente e as arquitetas

Se você ficou curioso para saber um pouco mais sobre o projeto vencedor da 1ª Maratona Archaton, em Brasília, confira essa rápida entrevista com as três arquitetas:

Qual foi a inspiração para a concepção do projeto?

O projeto foi criado inspirado nas artes e sentidos. Isso nos motivou, desde o início, a trabalhar com texturas brutas, materiais aparentes, luz e sombra e cores inusitadas. Toda essa proposta visa criar, no espectador, uma experiência única. Motivado pelo toque, pela visão e pelas diferentes sensações que o ambiente proporciona, o passante, sensibilizado, estará pronto para receber a arte da galeria e apreciá-la com seus sentidos aflorados.

Qual será a principal tendência apresentada?

O ambiente casa a tendência brutalista com a industrial.

Há algum estudo ou histórico especial para o desenvolvimento do projeto?

Por se tratar de uma galeria de arte, buscamos desde o início a valorização dos quadros. Desde a escolha da arte, a iluminação, valorização da circulação livre, guia de fluxos, mobiliários de design, etc.

Destaque os principais diferenciais de seu projeto. Quais as novidades?

Nosso projeto traz não apenas a questão do ambiente estético. Buscamos a “experiência do usuário”. O principal diferencial é a experiência única de cada passante. Cada pessoa terá uma impressão individual do ambiente, seja motivado pela arte exposta, seja pelo material bruto aparente, seja pelo misto de luz e sombra, ou pela sensação de surpresa da escada, com uma cor forte, exaltando cada sentido de uma forma diferenciada.

Destaque os principais materiais utilizados em seu projeto:

Cimento, serralheria, pedras, estruturas aparentes.

Haverá objetos especiais ou inusitados? Quais?

A arte da galeria é um destaque muito especial, pois se trata da identidade de 07 artistas diferentes, casando com as sensações que a arquitetura e o design proporcionam. Há ainda a presença do design brasileiro, vegetação e uma identidade do Studio, representada por um banco desenhado pela própria equipe.

O ambiente vai homenagear alguma personalidade? Se sim, qual?

Todos os artistas autores dos quadros expostos (Nancy Safatle, Tuca Morhy, Donizetti Garcia, Jaqueline Eickhoff, Sheila Tapajós, Pompéia Cascão e Mauro Laforga) devem se sentir homenageados, pois cada arte foi escolhida minuciosamente, não apenas para preencher o ambiente, mas para fazer parte da composição, conversando com as cores, texturas e design propostos.

Qual a relação do seu ambiente com o tema “Foco no Essencial”?

Nosso ambiente prioriza e destaca a arte, como essência do projeto. A iluminação está direcionada para o que importa e as texturas, luzes, sombras e efeitos de cores buscam aflorar os sentidos dos espectadores.

Confira a foto oficial das alunas do IPOG no evento:

 

 


Artigos relacionados

Alunas IPOG projetam ambiente na Morar Mais em Goiânia Quem for à Mostra Morar Mais por Menos deste ano em Goiânia, vai encontrar 27 ambientes distribuídos por 1300 m². Os espaços foram desenvolvidos por 47 profissionais (arquitetos, designers de interiores e paisagistas).Entre esses ambientes está o Lounge Ca...
A Engenharia não está em crise, afirma professor do IPOG O objetivo do Webinar Diferenciais críticos do profissional de Engenharia em tempos de mercado desafiador, realizado pelo IPOG no dia 25 de junho, foi mostrar como os diferenciais que o profissional apresenta e a sua preparação são cruciais para o seu desempen...
Conheça 4 cargos que estão em alta na Engenharia Recentemente, uma reportagem publicada no site da Revista Exame abordou a reação no mercado da Engenharia. A base para a produção do conteúdo foi um novo estudo de tendências e salários no Brasil elaborado pela consultoria de recrutamento HAYS.Segundo o re...

Sobre Aline Ferreira e Julyanne Alves

Arquitetas e Urbanistas. Cursaram a Pós-Graduação em Design de Interiores - Produção e Ambientação do Espaço (IPOG)

Comentários