7 cuidados diários para manter a sua pele saudável no verão
4 minutos de leitura
20 de dezembro de 2017

7 cuidados diários para manter a sua pele saudável no verão

Verão

A chegada do verão, datas especiais de fim de ano, férias, carnaval e outras programações da estação é um super convite para curtir esse período de muito sol.  Porém, devido às altas temperaturas, os cuidados com a pele precisam ser intensificados.

O sol é vida, faz bem à saúde e é fundamental para organismo obter vitamina D. Especialistas recomendam tomar sol de 5 a 10 minutos por dia. Por isso, aprecie o sol de forma equilibrada, segura e consciente.

Seja na praia, na cidade, no clube, no parque, na fazenda, no dia a dia do seu trabalho, em qualquer lugar que tenha exposição ao sol, até mesmo em dias nublados, você precisa proteger a sua pele dos raios solares.

A exposição intensa ao sol, principalmente no verão, sem consciência e sem os devidos cuidados para proteção da pele pode levar sérias complicações, como queimaduras, envelhecimento precoce, aparecimento de manchas e câncer de pele.  Os cuidados com a pele devem ser contínuos e diários. No verão a proteção deve ser redobrada devido às altas incidências de raios solares.

7 Cuidados diários com a pele no Verão

Com cuidados simples e essenciais é possível expor ao sol e curtir o verão sem ter prejuízos para a sua pele e sua saúde. Confira as principais orientações que você deve seguir para manter a sua pele saudável e protegida nesse verão e em todas as estações do ano.

1. Consciência com a sua saúde

A primeira orientação é ter consciência e colocar em prática, diariamente, todas as recomendações para se expor ao sol com segurança. São cuidados que devem ser aplicados desde à infância.

2. Filtro solar

Use o filtro solar uniformemente sobre o corpo. Dê uma atenção especial ao rosto. Também não se esqueça das orelhas, mãos, pés…Todo o corpo que fica exposto ao sol precisa estar protegido.

Use filtro solar com o Fator de Proteção Solar (FPS) acima de 50. Aplique no corpo 30 minutos antes de se expor ao sol e reaplique de 2 em 2 horas. Caso tenha contato com a água, a reaplicação deve ser realizada em um intervalo de tempo menor.

Use protetor labial para proteger os lábios das possíveis agressões solares. Lembre-se também de aplicar loções pós-sol após a exposição prolongada ao sol, principalmente depois de um dia de lazer na praia ou clube.

O filtro solar é um produto de proteção e prevenção muito acessível e importante para a sua pele. Antes de comprar verifique a qualidade e também certifique se o produto é aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

 3. Horários adequados

Quer pegar aquele bronze? Então tome sol em horários adequados: antes das 10h e depois das 16h.

Além disso, é importante evitar a exposição prolongada ao sol em horários com maior intensidade de raios solares.  Não se esqueça: o ideal é não se expor ao sol entre 10h e 16h.

4. Roupas e acessórios para se proteger do sol 

Você sabia que as roupas com proteção solar ou roupas de algodão bloqueiam até 90% da radiação ultravioleta. Outra indicação importantíssima  dos especialistas nesta época do ano é abusar dos chapéus, bonés, viseiras, lenços e barracas. Essa orientação vale principalmente para pessoas com calvície, pois o couro cabeludo fica muito exposto e você precisa se proteger. Outro item indispensável são os óculos com proteção UVA e UVB para proteger seus olhos e a pele em volta da região ocular.

5. Hidrate o seu corpo e tenha uma alimentação saudável

É importante cuidar da pele de dentro pra fora. Por isso, hidrate bem o seu corpo, beba de dois a três litros de água por dia, sucos com frutas naturais e água de coco. Tenha uma alimentação balanceada com frutas, comidas saudáveis e leves. Alimentos ricos em betacaroteno, como cenoura, abóbora e mamão, deixam a pele mais hidratada.

Banhos em água fria contribuem para a hidratação da pele, a água quente favorece o ressecamento da pele. Aproveite o calor para se refrescar na água fria!

6. Procedimentos estéticos

Evite fazer procedimentos estéticos como peeling, laser e depilação em um período que você sabe que poderá se expor ao sol. Esses tratamentos associados à luz solar, podem causar manchas na pele.

7. Consulte um dermatologista

Tenha o hábito de consultar o dermatologista regularmente e siga à risca as orientações médicas de cuidados com a pele.

Câncer de pele

A exposição inadequada e sem proteção ao sol é a principal causa do câncer de pele. De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de pele é o tipo de câncer com mais incidência no país e todos os anos surgem cerca de 180 mil casos.

Câncer de pele é uma doença muito séria. Existem diferentes tipos de pele, algumas pessoas tem uma predisposição maior ao câncer de pele e a evolução da doença varia de pessoa para pessoa. Mas a recomendação é igual para todos: exponha ao sol com a pele protegida e consulte o dermatologista regularmente.

Se você quer saber mais informações sobre o câncer, conheça 15 direitos que todo paciente com câncer deveria saber.

Dezembro laranja

O Dezembro Laranja é uma campanha de prevenção ao câncer de pele promovida pela Sociedade Brasileira de Dermatologista (SBD).  Desde 2014, por meio desse movimento, a entidade realiza várias ações na internet, ruas, parques e praias, no último mês de cada ano, para alertar à população sobre os riscos da doença e estimular a necessidade prevenção e cuidado com a pele durante a exposição ao sol.

Siga todos os cuidados com a pele diariamente, em todos os dias do ano. Proteja a sua pele, hidrate seu corpo, previna doenças e curta esse e os próximos verões com muita saúde.

E quais as programações para o seu verão? Conte para nós nos comentários!


Artigos relacionados

Como implantar o serviço de atenção farmacêutica na prática! O aumento da automedicação, do uso incorreto de medicamentos, a necessidade de contribuir para melhora da saúde da população e a orientação mais assertiva da terapia medicamentosa, são alguns dos fatores que contribuíram para o crescimento da prestação do serv...
Aspectos éticos, jurídicos e regulatórios no setor da saúde Existem várias normas que conduzem a atuação profissional dos profissionais da saúde. Diante disso quero te propor a seguinte reflexão: como você tem agido na sua prática profissional em relação aos aspectos éticos, jurídicos e regulatórios do setor da saúde? ...
7 recomendações para implementar um programa de Compliance na indústria farmacêutica O setor farmacêutico é regulado e regido por leis rigorosas para, principalmente, proteger a saúde do usuário do medicamento. E para que essas leis sejam cumpridas, a área de Compliance tem o papel fundamental de conduzir as relações comerciais de um negócio d...

Sobre Assessoria de Comunicação

Equipe de produção de conteúdo.

Comentários