O que acontece quando engenharia e empreendedorismo se encontram?
4 minutos de leitura
26 de maio de 2017

O que acontece quando engenharia e empreendedorismo se encontram?

Geralmente, os cursos de graduação em Engenharia Civil, não preparam os alunos para o empreendedorismo. Pelo contrário, o tradicional perfil do engenheiro é o que busca trabalhar em uma construtora ou em outra empresa do segmento.

No entanto, diante da movimentação do mercado que encarou uma série de demissões em massa, quem estava acostumado a seguir a maré, precisou despertar para novas possibilidades. Em meio a tudo isso, vários profissionais decidiram pelo caminho do empreendedorismo na engenharia. Fazendo surgir um nicho de mercado, no qual você pode atuar e ter sucesso.

O termo empreender, é de origem grego-latina e tem o sentido de “pegar para conquistar”. Se refere a um comportamento de maior ousadia, de conseguir aplicar uma liderança sobre si mesmo, se disciplinando e alcançando seus objetivos, mesmo em meio a condições adversas.

Mas como os cursos de graduação em Engenharia Civil não preparam os alunos para serem empreendedores, para muitos tomar a decisão de mudar o rumo da carreira parece ser um desafio inalcançável. Geralmente, na faculdade, o aluno aprende muito sobre questões técnicas. Se torna excelente em operar, mas tem pouca ou nenhuma noção quando o assunto é gestão, administração de recursos, negócios.

Segundo a própria Confederação Nacional da Indústria, a grande maioria dos recém-formados possuem traços claros de uma formação ainda deficiente. De acordo com a entidade, faltam disciplinas que incentivem claramente a criatividade, empreendedorismo e senso de inovação nos estudantes, sem deixar de lado a boa formação técnica.

Pra quem sente essa necessidade, o caminho pode ser uma especialização que aborde esses temas. Segundo o coordenador dos MBAs e pós-graduações voltadas para a Engenharia do IPOG, Flávio Sohler, os engenheiros devem ser muito mais que bons técnicos, devem querer aprender a ser empresários.

Flávio Sohler explica que o curso de Gestão de Projetos para Engenharias e Arquiteturas do IPOG, por exemplo, oferece disciplinas como Gestão de Custos, Liderança para Engenheiros e Arquitetos com Modernas Técnicas de Neurolinguística (PNL) e Gestão do Tempo. “A nossa intenção é fornecer conhecimento de maneira bem prática. De tal modo que os alunos tenham  uma ideia clara de como implementar projetos gerenciando o escopo, o tempo e o custo de suas empresas. Isso é ter visão de empresário”, pontua Sohler.

Características de empreendedor

Para ser um empreendedor, é preciso ter vontade de agir de forma autônoma, buscando ter o feeling para perceber as melhores oportunidades de negócio. É desenvolver competências ligadas à liderança, gestão.

Para seguir por esse caminho, é necessário ter certeza sobre a decisão pelo empreendedorismo, já que o começo é repleto de desafios. Também é interessante conversar e pedir conselhos de quem também escolheu seguir por essa direção.

Quem tem empreendido na Engenharia?

O perfil dos empreendedores é bastante variado. De um lado, estão os engenheiros com carreira consolidada e que veem a oportunidade de abrir o próprio negócio, baseado na força do nome no mercado e das conquistas na carreira. Abrem escritórios de Engenharia, em casos, de Arquitetura também. Por outro lado, existem os recém-formados que logo ao concluírem a graduação, perceberam que, com a desaleração da economia, o melhor caminho era ganhar experiência com um negócio próprio.

Oportunidades de negócio

E se você procura uma opção de negócio para investir, listamos cinco opções que vêm ganhando destaque no mercado. Uma delas pode ser a que você procura.

  • Reformas de imóveis

As reformas estão em alta. Com os imóveis em desvalorização, muita gente tem optado por reformar. Assim, ao invés de vender, preferem fazer reparos e aguardar o reaquecimento da economia no mercado de imóveis.

  • Reparos hidráulicos, elétricos e instalações em geral

Mesmo não se tratando diretamente de construção civil, é uma área que tem relação com os conhecimentos adquiridos na graduação. Com o aumento do número de pessoas morando sozinhas e com a correria do dia a dia, muita gente prefere contratar um profissional para realizar este tipo de serviço. Uma das vantagens deste tipo de negócio, é que o engenheiro pode se tornar um administrador e apenas gerenciar quem realiza o serviço.

Venda de materiais de construção

A vantagem do engenheiro ao abrir uma loja de materiais de construção é que ele entende muito sobre os produtos que serão comercializados e pode, inclusive, treinar sua equipe para ajudar o cliente indicando a melhor opção.

Um caminho interessante neste tipo de negócio é oferecer o serviço de colocação de pisos, revestimentos e azulejos. Pode ser através de funcionários ou parceiros.

Projetos residenciais

Lembra sobre a necessidade de buscar ser criativo, empreendedor que falamos lá no início do texto? Pois é, essas características serão importantes neste negócio que é uma das tendências para engenheiros. Neste tipo de serviço, é preciso desenvolver projetos que atendam às necessidades dos clientes. Para isso, vale a pena usar processos que sejam diferenciados.

Franquias

Assim como nos demais setores do mercado, o negócio de franquias também tem crescido a cada dia mais na Engenharia. A dica é pesquisar bastante para ter certeza de que se trata de uma franquia confiável, sólida no mercado e que ofereça uma estrutura que otimize o retorno ao franqueado.

Portanto, não se apegue às situações adversas na economia e nem pense em desistir de sua área de atuação. Invista em seu lado empreendedor.


Artigos relacionados

Que engenheiro o mercado procura? Segundo cálculos da Federação Nacional dos Engenheiros, entidade que reúne 18 sindicatos estaduais, de 2015 até o começo de 2017, cerca de 50 mil vagas formais de trabalho para engenheiros foram fechadas. A estimativa se baseia em dados do Caged (Cadastro Gera...
Engenharia de Segurança dos Alimentos: carreira promissora O hábito de se alimentar fora de casa tem sido cada vez mais comum na rotina dos brasileiros. Com o crescimento desta demanda, aumenta a procura por profissionais da área de Engenharia de Segurança dos Alimentos, isso você vai entender um pouquinho mais adiant...
Professor do IPOG ganha prêmio de Arquitetura Oliveira Jr, Professor do IPOG na Pós-Graduação Master em Arquitetura & Lighting,  Arquiteto e Urbanista, foi um dos vencedores do Concurso Nacional de Habitação de Interesse Social, realizado pela Companhia de Desenvolvimento da Habitação do Distrito Fede...

Sobre Flavio Augusto Settimi Sohler

Pós-Doutor em Engenharia Civil-TUHH (Alemanha) e LNEC (Portugal); Cursou doutorado em engenharia civil na UFRGS; Doutor em Psicologia Organizacional pela PUC-GO; Mestre em Engenharia de Produção pela PUC-RJ; Pós-Graduado em Análise de Sistemas-PUC-RJ e Project Finance-USP; Graduado em engenharia civil pela PUC-RJ. Coordenador e Professor no IPOG no MBA Gestão de Projetos em Engenharias e Arquitetura; MBA Gerenciamento de Obras, Qualidade e Desempenho da Construção; MBA Projeto, Execução e Desempenho de Estruturas e Fundações; MBA em Negócios Imobiliários & Inteligência de Mercado

Comentários