Quais as tendências da transformação digital para os negócios?
3 minutos de leitura
16 de maio de 2018

Quais as tendências da transformação digital para os negócios?

A transformação digital é contínua, é para o agora e para o futuro. O processo de modernização e de incorporação de novas tecnologias digitais no negócio é absolutamente essencial. São muitos os desafios da transformação digital, porém, essa jornada está repleta de novas oportunidades.

Uma gestão de TI bem sucedida gera valor para a transformação digital do negócio, que, por consequência, melhora a experiência do cliente, impulsiona o crescimento no mercado e a eficiência operacional.

Os esforços e habilidades para lidar com a transformação digital exige integração das áreas do negócio, e além da tecnologia, depende por completo da capacidade humana de aprender o novo, adaptar às mudanças e gerenciar projetos de forma eficaz.

Tendências da transformação digital

A IDC, empresa de consultoria e inteligência de mercado em TI, prevê que o mercado de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) no Brasil deve crescer 2,2% em 2018. E a Transformação Digital (DX) continua crescendo em escala mundial e as empresas que não se preocuparem com isso correm sérios riscos.

Nesse contexto, a empresa de consultoria também aponta as seguintes previsões para 2018 no Brasil:

Avanço da Internet das Coisas (IOT): previsão de 4% dos domicílios brasileiros conectados com a tecnologia IOT que movimentará US$ 612 milhões no mercado doméstico e cerca de US$8 bilhões no mercado total;

Big Data/Analytics (BDA): estimativa de crescimento de 18% em relação a 2017 nos serviços de BDA e os gastos totais, incluindo infraestrutura, software e serviços podem atingir US$ 3,2 bilhões;

Inteligência artificial: previsão de crescimento de 50% em relação a 2017;

Tablets e Smartphones: estimativa de venda de 3,5 milhões de tablets e smartphones para o mercado corporativo;

Nuvem: a cloud pública pode atingir investimentos de US$ 1,7 bilhão em 2018;

IT Leaders 2017: principais resultados da pesquisa

Em 2017, a Computerworld, revista dirigida para profissionais das tecnologias da informação e comunicação, realizou a pesquisa IT Leaders 2017 e entrevistou 221 gestores de TI de empresas de todo o Brasil. O estudo tem o objetivo de analisar a rotina e as atividades dos líderes de TI nas organizações para verificar o cenário, tendências, perspectivas e pontos estratégicos do setor. Confira os principais resultados da pesquisa:

  • 61% de CIOs declararam aumento no orçamento de TI em 2018 em relação ao valor de 2017;
  • 75% dos gestores de TI consideram que o papel da TI é ser a facilitadora da inovação;
  • 53% dos CIOs se declararam muito mais próximos e colaborativos dos CMOs (Chief Marketing Officer) de suas empresas;
  • 76% dos CIOs declaram participar de reuniões com a diretoria da empresa para avaliar novas estratégias junto aos clientes;
  • Machine Learning, Inteligência Artificial,Pilotos de Blockchain e Internet das Coisas assumem posições de destaque e prioridade para os próximos anos;
  • 70% dos CIOs reconhecem a necessidade de investir em contratação e treinamento de equipes e retenção de talentos para as novas tecnologias;
  • 83% dos CIOs consideram que a sua função está se tornando cada vez mais desafiadora;
  • 53% dos IT Leaders estão participando de MBAs ou cursos de extensão; Aproveite essa tendência e conheça o MBA Executivo em Gestão de Tecnologias da Informação – Liderança, Governança e Negócios do IPOG. 

Cinco prioridades de TI para 2018 conforme a pesquisa IT Leaders

1 – Implementação/Atualização de projetos / soluções / aplicações de Mobilidade;

2 – Implementação/Atualização de soluções de BIG Data / Analytics;

3 – Aquisição / ampliação de soluções de TI no modelo Cloud Computing;

4 – Investimento em soluções de Segurança da Informação;

5 – Melhorar o monitoramento da empresa – Governança;

Todo esse cenário do mercado de TI nos confirma que a tecnologia, inovação e transformação digital trilham o mesmo caminho em busca de soluções digitais para atender as exigências do mercado, melhorar a experiência do consumidor hiperconectado e criar vantagem competitiva para o negócio.

Como líderes de TI precisamos focar no presente e ao mesmo tempo olhar estrategicamente para o futuro de forma integrada com todas as frentes do negócio.

Artigos relacionados

“Ciências Forenses uma introdução às principais áreas da Criminalística Moderna” A obra “Ciências Forenses: uma introdução às principais áreas da Criminalística Moderna”, referência para profissionais e estudantes das Ciências Forenses, chegou em sua terceira edição. A publicação apresenta os fundamentos e a inter-relação de Ciências Foren...
Tendências tecnológicas: 5 dicas para potencializar os seus negócios Vivemos em uma era plenamente envolvida pelas facilidades advindas do desenvolvimento tecnológico. Hoje, temos praticamente todas as nossas atividades resolvidas no alcance de um clique. Saber tirar proveito dessas facilidades se tornou um fator crucial para o...
Inspirando Carreiras: Perito Criminal conta sua experiência na área de Computação Forense Já pensou em seguir na área de Computação Forense? Então confira relatos inspiradores de um Aluno IPOG. O aumento da criminalidade é uma realidade assustadora. Cada vez mais criminosos se beneficiam dos recursos tecnológicos para facilitar o cometimento de cri...

Sobre Marsal Melo

Professor IPOG, Analista de Sistemas, Especialista em Gerenciamento de Projetos e Mestrando em Administração de Empresas (UFG). É Consultor em Gerenciamento de Projetos e Processos certificado PMP, Mentor do Centro de Empreendedorismo e Inovação da UFG e Coach pelo IBC. É Diretor da Empresa Efeta Soluções, Presidente do PMI-GO e Diretor de Comunicação da ASSESPRO-GO. Possui mais de 20 anos de experiência na área de Tecnologia da Informação e Gestão de Equipes, Processos e Projetos.

Comentários