Você realiza a técnica asséptica de forma adequada na execução de procedimentos estéticos?
3 minutos de leitura
27 de julho de 2018

Você realiza a técnica asséptica de forma adequada na execução de procedimentos estéticos?

procedimentos estéticos

Você deve estar acompanhando nos noticiários dessa semana o caso do “Dr. Bumbum”. Infelizmente se trata de uma tragédia lamentável que levou uma pessoa a óbito devido à realização de um procedimento estético com métodos inadequados. Esse é um assunto muito sério e que deve estar no centro das atenções de toda a sociedade, das autoridades e, principalmente, dos profissionais de saúde.

Entenda o caso: “Dr. Bumbum”

No dia 14 de julho a bancária Lilian Quézia Calixto se submeteu a um procedimento estético com o médico Denis Cesar Barros Furtado, popularmente conhecido como “Dr. Bumbum” por ser referência em Bioplastia – técnica de preenchimento para modelar partes do corpo.

Porém, o procedimento estético foi supostamente realizado de forma inadequada e a paciente faleceu após ter complicações graves horas depois do atendimento. Conforme a reportagem veiculada no programa Fantástico, da Rede Globo, e informações publicadas no site G1, além da falta dos devidos cuidados com os materiais utilizados no processo, o médico realizou o preenchimento nos glúteos da paciente com o PMMA (polimetilmetacrilato), substância não indicada em grandes quantidades para procedimentos estéticos.

Em depoimento à matéria publicada no site G1, o presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, André Maranhão, alertou que o PMMA deve ser utilizado em pequenas quantidades, e pode trazer sérios prejuízos à saúde caso a substância tenha contato com a corrente sanguínea.

Atenção com procedimentos estéticos inadequados

Esse caso reforçou a importância de que procedimentos estéticos não podem ser realizados por qualquer pessoa. O profissional de saúde habilitado em estética, deve seguir à risca todos os atributos científicos, legais e éticos associados com esse tipo de serviço de saúde. E um método que tem um papel fundamental nesse processo é a técnica asséptica.

Antes de aprofundarmos nesse assunto, te faço o seguinte questionamento: você realiza a técnica asséptica de forma adequada na execução de procedimentos estéticos?  Se você quer ter uma resposta precisa para essa pergunta, leia esse artigo e fique bem informado.

O que é a técnica asséptica e qual a sua importância?

A técnica asséptica consiste no conjunto de métodos utilizados para garantir a assepsia do procedimento de saúde. Essa técnica é fundamental para a segurança do paciente e de toda equipe envolvida no processo, pois evita a transmissão de micro-organismos patógenos e/ou neutraliza-os para prevenir infecções e transmissões de doenças, e por consequência, contribui com o sucesso do tratamento.

Como a técnica asséptica deve ser aplicada para a realização de procedimentos estéticos?

Para realizar procedimentos estéticos invasivos não cirúrgicos e/ou minimamente invasivos, o profissional de saúde habilitado deve seguir uma série de medidas sistemáticas para aplicar corretamente a técnica asséptica, como exemplo:

  • Assepsia correta das mãos conforme as diretrizes estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde;
  • Uso de Equipamentos de Proteção Individual (touca, óculos, máscara, avental e luvas);
  • Uso de produtos antissépticos e materiais descartáveis estéreis, como o álcool 70, seringas e agulhas.
  • Além disso, também é fundamental tomar outros cuidados e realizar as seguintes ações para evitar a proliferação de micro-organismos e reduzir o risco do paciente adquirir uma infecção:
  • Limpeza da pele do paciente;
  • Não reaproveitar substâncias e materiais descartáveis;
  • Realizar a esterilização, assepsia, limpeza e acondicionamento adequado dos equipamentos;
  • Descartar de forma adequada os resíduos de saúde;
  • Atender as normas sanitárias vigentes para estabelecimentos de saúde estética;
  • Manter cabelos presos, barba feita, unhas aparadas e higienização corporal;
  • Não usar adornos durante a realização de procedimentos.

Quais os principais cuidados que os profissionais que atuam na saúde estética devem ter ao realizar um procedimento estético?

É fundamental que o profissional seja capacitado e faça a anamnese adequada para conhecer as principais características do paciente. Após conhecer o histórico de saúde, o profissional da saúde estética deve cumprir protocolos adequados para executar técnicas estéticas comprovadas cientificamente. Por se tratar de cuidado à saúde, é recomendado que seja realizado com o consentimento livre e esclarecido do paciente, para que aprove e tenha conhecimento dos riscos e benefícios.

São simples medidas que fazem grande diferença. Além de atender às exigências da saúde, legais e éticas, a aplicação da técnica asséptica é muito importante para proteger a saúde do paciente e a sua própria vida!

Se você tem o interesse de ingressar nesse mercado e ser um profissional da saúde estética, conheça a Pós-graduação em Saúde Estética e Cosmetologia do IPOG, se especialize  e tenha capacidade técnica-científica para atuar nessa área. 


Artigos relacionados

Quais procedimentos estéticos invasivos não-cirúrgicos o Farmacêutico Esteta pode realizar? A saúde estética tem a função de promover a saúde por meio do equilíbrio entre corpo, mente e saúde com a realização de recursos e procedimentos estéticos. É uma área crescente no mercado, que atinge um grande público e a cada vez mais conquista novos adeptos....

Sobre Vandré Mateus

Farmacêutico há 19 anos pela Universidade Camilo Castelo Branco - SP; Mestre em Ciências da Saúde com ênfase em Atenção Farmacêutica; Especialista em Farmácia Hospitalar e Farmácia Clínica pela Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar; Capitão Farmacêutico do Hospital da Polícia Militar do Estado de São Paulo; Vice-Presidente da Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar; Consultor de empresas no Ramo Farmacêutico. Professor e coordenador dos cursos de pós-graduação em Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica e Farmácia Hospitalar & Serviços de Saúde do IPOG.

Comentários