Oito dicas para realizar um bom Feedforward com seus liderados
2 minutos de leitura
14 de outubro de 2016

Oito dicas para realizar um bom Feedforward com seus liderados

IPOG, Feedforward

Com certeza por várias vezes você já ouviu falar sobre feedback, que é a resposta que o emissor tem a partir da reação que o receptor teve a sua mensagem. Mas, e o feedforward, você conhece?

Ele está relacionado à capacidade de um líder de oferecer ideias e orientações para os seus liderados visando aperfeiçoar suas competências, focando no presente e no potencial de entrega futura que o indivíduo tem.

Para você que é um líder, seja no seu trabalho, na sua casa ou em qualquer meio que você atue, a professora Cynda Bressan listou oito dicas para realizar um bom feedforward que vão te ajudar a incentivar o trabalho de suas equipes:

Primeira dica –  Ao falar com seu colaborador seja genuíno e estabeleça um vínculo entre vocês, um vínculo de confiança.

Segunda dica – Tenha um foco da conversa em um futuro promissor, que o colaborador assuma um compromisso de melhoria com foco em um futuro promissor.

Terceira dica – Crie um ambiente de acolhimento, positividade e tranquilidade para essa conversa, não é uma conversa de corredor, é uma conversa que precisa ser planejada e trabalhada.

Quarta dica – Crie uma estratégia de comunicação diferenciada enquanto líder, aprenda como é sua estratégia de comunicação líder, o que você tem de diferente para se comunicar e use nesse momento, nessa conversa.

Quinta dica – Mostre que é possível para o seu colaborador executar essas mudanças, e que você estará como suporte para ele nessas mudanças. Dê o apoio que ele precisa.

Sexta dica – Esse é o momento para a troca de ideias, então é o momento que os dois podem falar abertamente, podem trocar ideias. A ideia é de um pode ajudar o outro a construir uma ideia melhor, então não vá com ideias pré-formadas, permita-se ao novo.

Sétima dica – Aproveite esse momento para despertar potenciais adormecidos do seu colaborador, ele pode ter muito mais a entregar que você imagina, mas esse potencial está lá adormecido porque ninguém foi capaz de tocá-lo e também de trabalhá-lo até hoje.

Oitava dica – Esse é um momento para os dois se autoconhecerem. Então, é um momento para conhecer pontos que podem ser desenvolvidos no comportamento dos dois e também pontos que são muito bons e devem ser reconhecidos, elogiados e valorizados.

Ficou interessado neste assunto? Conheça o MBA Liderança Integral & Gestão Organizacional (FranklinCovey)

Artigos relacionados

20 erros que devem ser evitados na condução de uma empresa No desempenhar da minha profissão, tenho tido oportunidade de aprender com grandes mestres da gestão empresarial, que em proveitosos bate-papos, me transmitem a imensa sabedoria adquirida por anos de prática, somados a estudos sobre a excelência administrativa...
O que você e sua empresa precisam saber e fazer para aumentar o número de mulheres em cargos de gest... Pesquisas recentes revelam que instituições com mulheres em cargos de liderança lucram mais. O Instituto Americano Peterson de Economia Internacional, em parceria com a consultoria EY, publicou resultados de uma pesquisa realizada com 22 mil empresas em 91 paí...
Projeto 21: Engajamento político do setor produtivo Nas eleições de 2016 - momento em que os cidadãos escolheram seus representantes para o legislativo e o executivo municipal - um grupo de lideranças do setor produtivo da capital Goiânia, cansado de se ver como mero coadjuvante de um processo político sem melh...

Sobre Curadoria - Cyndia Bressan

Mestre em Psicologia Social e do Trabalho pela Universidade de Brasília/UnB. Possui graduação e licenciatura em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará/UFC. Atualmente é docente, coordenadora dos cursos: MBA Gestão de Pessoas por Competências e Coaching; MBA Gestão de Pessoas por Competências, Indicadores e Resultados do IPOG

Comentários