3 habilidades essenciais para profissionais de Gestão de Tecnologias da Informação
2 minutos de leitura
20 de fevereiro de 2018

3 habilidades essenciais para profissionais de Gestão de Tecnologias da Informação. Você já possui alguma delas?

Para gerir uma empresa com excelência é crucial a integração da área de Tecnologias da Informação (TI) com a gestão estratégica do negócio e lideranças das pessoas para obtenção dos melhores resultados. Para isso, o profissional de Gestão da Tecnologia da Informação deve desenvolver 3 habilidades essenciais: Liderança, Governança e Negócios. Para saber mais sobre essas competências, continue a leitura desse post.

Habilidades essenciais para o profissional de Gestão de Tecnologias da Informação

Liderança

O desenvolvimento da liderança na área de Tecnologia da Informação se relaciona com competências comportamentais, individuais e humanas. A liderança efetiva em TI é crucial para alinhar a área aos objetivos estratégicos do negócio e inspirar a equipe a alavancar a TI e melhorar os seus processos. Líderes inspiradores desenvolvem uma equipe motivada.

Desenvolver habilidades de liderança é tão importante quanto todo o conhecimento técnico em TI, sendo um grande diferencial para gestão de pessoas e o engajamento de toda sua equipe. A cada dia é preciso se desenvolver para se tornar um líder melhor e reconhecer a necessidade de se atualizar com estratégias inovadoras e habilidades de liderança de alto nível.

Estratégia do Negócio

A área de Gestão de Tecnologias da Informação e a gestão estratégica do negócio estão se tornando cada vez mais integradas e dependentes. Os profissionais que atuam na gestão de TI devem ter um conjunto multidisciplinar de competências para realizar essa conexão. As principais são:

  • Entender o negócio e o segmento no mercado;
  • Mostrar claramente o valor da TI, sua necessidade e a contribuição para o negócio;
  • Desenvolver competências e habilidades de gestão em TI;
  • Alinhar a TI com a estratégia e objetivo do negócio;
  • Executar a estratégia organizacional;
  • Desenvolver processos que contribuam com o crescimento financeiro do negócio;

Governança de TI

A Governança de TI tem objetivo de criar políticas e processos que estejam alinhados com as estratégias corporativas para contribuir com o crescimento e gerar valor ao negócio. Para alcançar um desempenho superior na Gestão de Tecnologias da Informação, a Governança de TI precisa ser aplicada e fazer parte dos níveis estratégicos, táticos e operacionais. Sendo que, em primeiro lugar, o apoio e envolvimento integral da alta gestão irão contribuir para propagar uma cultura de comprometimento com todos os membros da instituição.

A estrutura de Governança de Tecnologias da Informação é parte da Governança Corporativa, por isso, deve ter um alinhamento estratégico que converge em busca das mesmas metas e objetivos. É imprescindível que seja transparente e que a prática dessa governança seja adequada para a realidade da empresa.

A governança de TI inclui pessoas, processos e estruturas necessárias para orientar a tomada de decisões em torno de questões de tecnologia. Pessoas, processos e tecnologia: uma tríade que precisa estar muito bem alinhada com as estratégias do negócio para gerar valor e alcançar resultados positivos.

Carreiras bem sucedidas na área Gestão de Tecnologias da Informação estão disponíveis em todos os segmentos da economia. Uma especialização pode te preparar as exigências do mercado e te dará a preparação adequada para ocupar posições importantes dentro de um negócio.


Artigos relacionados

Indústria 4.0: a era dos sistemas inteligentes e da convergência digital Você já sabe o que é Indústria 4.0? Então, vem com a gente! Smartphones, tablets, computadores, máquinas, sistemas automatizados, inteligência artificial, tudo isso está se tornando tão comum em nosso dia a dia que nem nos damos conta de como a tecnologia tem ...
Sistema IPED: Conheça as principais funcionalidades do software utilizado na investigação da Operaç... A Operação Lava Jato, maior investigação contra a corrupção e lavagem de dinheiro do sistema político do Brasil, conta com o trabalho especializado de mais de 100 peritos federais, que a cada etapa do caso, enfrentam novos desafios. A atuação da Polícia Fed...
Como o Diagnóstico Organizacional pode salvar sua empresa? Assim como as pessoas, as empresas também adoecem, mas, de uma forma diferente. Nesse período de crise vivido no país, o cenário econômico acabou sofrendo uma retração no consumo e trazendo às empresas problemas mercadológicos, financeiros, estruturais etc. E,...

Sobre Marsal Melo

Professor IPOG, Analista de Sistemas, Especialista em Gerenciamento de Projetos e Mestrando em Administração de Empresas (UFG). É Consultor em Gerenciamento de Projetos e Processos certificado PMP, Mentor do Centro de Empreendedorismo e Inovação da UFG e Coach pelo IBC. É Diretor da Empresa Efeta Soluções, Presidente do PMI-GO e Diretor de Comunicação da ASSESPRO-GO. Possui mais de 20 anos de experiência na área de Tecnologia da Informação e Gestão de Equipes, Processos e Projetos.

Comentários