4 Disciplinas da execução: veja o que muda na equipe
4 minutos de leitura
22 de agosto de 2017

Descubra o que muda na equipe com 4 Disciplinas da Execução

4 disciplinas da execução entenda como aplicar na sua empresa

Executar metas e objetivos estratégicos é o maior desafio nos negócios de hoje. Alinhar as prioridades das organizações e o trabalho em equipe com as Metas Crucialmente Importantes e objetivos parece ser uma batalha sem fim. Além do mais, manter gerentes e equipes comprometidas com as metas cruciais é difícil. Agora, imagine uma organização onde gestores e equipes estão focados e alinhados às prioridades organizacionais. Que belos resultados teríamos! Uma importante ferramenta para tal feito são as 4 Disciplinas da Execução.

As ferramentas são apresentadas no livro que leva o mesmo nome e que tem como coautor Bill Moraes, Professor do IPOG no MBA Executivo em Liderança e Gestão Organizacional, uma parceria com a Franklin Covey.

Por isso, fizemos uma entrevista com Bill Moraes para saber como as 4 disciplinas da execução podem ajudar os líderes nos seus desafios diários. Confira!

1)    O que são as 4 disciplinas da execução e qual o objetivo delas?

As 4 disciplinas foram criadas com o único objetivo de ajudar líderes a alcançar resultados estratégicos que requerem significativas mudanças de todos que trabalham numa organização. Em qualquer tipo e em qualquer tamanho de organização, pública ou privada, com ou sem fins lucrativos. Uma organização com 10, 100 ou até mesmo mais de 200 mil pessoas.

2)    Quais são as 4 disciplinas da execução?

1 – Foque no crucialmente importante:

Grandes líderes têm a capacidade de criar foco em poucas coisas que são cruciais, que vão gerar muita mudança de comportamento e que geram um importantíssimo resultado estratégico.

2 – Atue nas medidas de direção:

As equipes não atuam no alcance da meta, atuam em ações que nós chamamos de importantíssimas medidas de direção.

3 – Mantenha um placar envolvente:

Não qualquer tipo de placar, mas um placar que envolve, que cria a emoção de um jogo. Detalhe: Deve ser criado pela equipe e não pelo líder.

4 – Criar uma cadência de responsabilidade:

Crie um ritmo ou frequência para a prestação de contas da equipe rumo a ações que eles farão. Um ritmo que faça com que eles se comprometem perante a equipe para mover o placar nessa semana.

3)    Como este método ajuda tanto os líderes nos seus desafios diários?

Esse método ajuda no maior desafio que qualquer líder tem no Brasil, na América Latina ou em qualquer parte do mundo, que é alcançar resultados mudando o comportamento de todos que trabalham na organização. Esse é o maior desafio que um líder pode ter hoje.

4)    O que é mais importante: estratégia ou execução?

Tanto estratégia quanto execução são importantes, mas onde os líderes têm mais desafios é justamente na parte de execução da estratégia. E curiosamente, os líderes em um MBA tradicional, em uma graduação de Administração, não aprendem execução, aprendem estratégia ou planos de negócio. O que chama a atenção, porque os líderes acabam sendo preparados para algo que é importante, mas que não é a parte mais importante do seu dia-a-dia. A parte mais difícil está exatamente em executar o plano, executar a estratégia, e os líderes são muito mal preparados para isso.

5)    Quais os maiores benefícios da implementação das 4 disciplinas da execução?

Os maiores benefícios estão em:

  • Criar um foco claro no meio do redemoinho diário de atividades para manter as portas abertas para aquilo que é crucialmente importante em todos os níveis da organização;
  • As pessoas conseguirem entender como alcançar uma meta que nunca foi alcançada. Fazer novas coisas para alcançar resultados que nunca foram alcançados;
  • As pessoas se envolverem emocionalmente e não apenas racionalmente em um jogo, em um propósito compartilhado, que envolve aquilo que é crucialmente importante e as medidas de direção;
  • As pessoas se sentirem responsáveis por fazer algo em relação ao jogo da equipe e aquilo que é crucialmente importante.

Sem dúvida, esses são os 4 maiores benefícios a partir da implantação das 4 disciplinas da execução.

6)    Como um líder pode aprender o método e começar a praticá-lo?

Isso começa logo de cara não com a intenção de saber o método, mas de aplicá-lo. Saber o método não significa que vai aplicá-lo. O que o líder pode aprender é ter a disciplina para usar cada uma das 4 disciplinas da execução, pois elas não funcionam separadas. Não são um menu, um cardápio de opções que permite ao líder escolher qual disciplina quer usar. As 4 só funcionam quando aplicadas com rigor e em conjunto. E como o líder pode aprender isso? Existem alguns caminhos:

  • Livro
  • MBA – parceria e IPOG e FranklinCovey – onde abordamos não somente execução, mas também todos os aspectos de desenvolvimento em liderança segundo a franklinCovey nos últimos 30 anos pra desenvolver grandes lideres
  • atraves de uma consultoria que envolve a instalçao do metodo feita pela FranklinCovey no mundo todo, em mais de 2500 organizações.

7)    Há algo mais que é importante dizer sobre este assunto?

Deixo apenas 3 alertas:

  • As 4 disciplinas parecem fáceis quando olhamos pra elas e as conhecemos. No entanto, é extremamente difícil de aplicá-las com rigor;
  • Só funcionam em conjunto;
  • São um contrassenso em termos de comportamento humano, as pessoas fazem justamente o contrário do que as 4 disciplinas da execução trazem pra nós.

E aí, que tal colocar em prática este método e experimentar os benefícios que isso pode trazer para a sua produtividade e da sua equipe?

Compartilhe conosco as suas experiências. Escreva nos comentários abaixo.

 


Artigos relacionados

Estratégias eficazes para aumentar a visibilidade de consultórios de saúde Como a área de saúde trabalha com clientes que muitas vezes estão vulneráveis ao procurar os profissionais, a humanização do atendimento faz a diferença. "A conexão emocional entre paciente e profissional de saúde permite que o tratamento flua de maneira mais ...
Confira 10 boas práticas ambientais para aplicar em sua empresa Com o aumento do debate em torno de questões ambientais nos últimos anos, o grande desafio é conciliar o crescimento econômico com a preservação do meio ambiente. Sendo assim, é fundamental incluir nas principais decisões empresariais uma gestão ambiental efic...
Gestão nas unidades de saúde – saiba como se destacar nesse setor Você já ouviu alguém falar sobre problemas na área da saúde? Na verdade, a pergunta mais adequada seria: quem nunca ouviu falar em problemas no setor de saúde?De fato, os problemas são muitos, mas o que as pessoas não sabem é que esses problemas nem sempre...

Sobre Bill Moraes

Bill Moraes é Professor IPOG e Gerente Geral da FranklinCovey Brasil. É coautor do livro As 4 Disciplinas da Execução (4DX). Bill conduz eventos executivos no Brasil, tendo liderado a implementação das 4DX no Marriott Hotels Brasil, na Faber-Castell, no Sistema Sicoob, na Renault Technology Américas e em empresas de tecnologia da informação, comércio eletrônico e de varejo. Como professor ensina sobre sobre liderança de pessoas e equipes, gestão estratégica de negócios e inteligência da execução da estratégia.

Comentários