Investir em vídeos como iscas para novos negócios
3 minutos de leitura
08 de junho de 2017

Investir em vídeos como iscas para novos negócios

Comunicação, Marketing, Vídeos

A internet criou diferentes formas para as empresas interagirem com seu público alvo. As redes sociais e o canal Youtube abriram uma janela de fomento à produção de vídeos irrestrita, onde hoje, qualquer pessoa com um smatphone consegue produzir e divulgar suas ideias em âmbito universal.

E com esse espaço democrático ocupado por bilhões de pessoas, ficou ainda mais difícil se sobressair nesse meio. Para o estrategista de conteúdo Camilo Coutinho, fazer vídeos para Youtube é, além de uma importante ferramenta de marketing, uma diversão à parte. Eleito um dos 12 help heroes mantidos no Brasil pelo Youtube, o profissional, quando não está se dedicando ao próximo roteiro, está ajudando os brasileiros a interagirem na ferramenta virtual de reprodução de vídeos.

Então fomos buscar a ajuda desse profissional para te orientar sobre a produção de vídeo para sua empresa, ou para alavancar sua ideia. “Se você não tiver um objetivo definido, o que vai produzir é uma sequência de imagens bonitas em movimento”, lança Coutinho. Ou seja, se é para fazer vídeo, que os propósitos desse vídeo sejam bem definidos desde o início. Vamos pensar juntos como desenhar sua presença no Youtube?

Visualizações versus Conversão em clientes

Uma das primeiras ideias que vem à mente quando pensamos em postar um vídeo no Youtube é na quantidade de visualizações que almejamos atingir. Interpretamos erroneamente um vídeo de sucesso como sendo aquele que atrai milhares de visualizações.

Acontece que se essas visualizações não lhe renderem inscrições no seu canal, elas serão meramente visualizações aleatórias e não vinculadas a um futuro próximo. Portanto, busque obter mais inscrições no seu canal ao lançar conteúdos interessantes, diferentes do que já está sendo produzido e com uma regularidade que faça as pessoas quererem acompanhar suas novidades. Guarde essa valiosa dica de Coutinho: se o seu vídeo não captar a atenção nos primeiros dez segundos, ele está fadado a ser pulado para o próximo conteúdo.

Entretenimento versus Soluções

O que as pessoas buscam ao acessar o Youtube? Entretenimento ou solução para alguma questão, como vídeo aulas, por exemplo. Então é importante que você saiba exatamente como o público que almeja atingir vai chegar até o seu vídeo.

Se estiver produzindo conteúdo para entretenimento, precisa saber como vender sua ideia de maneira leve, criativa e cativante. “O vídeo tem que ser direcionado para sua audiência”, reforça Coutinho. Se o seu vídeo é para oferecer uma solução, ele tem que ajudar o público a absorver o conteúdo de forma atrativa.

Checklist do planejamento

Camilo Coutinho alerta para importantes pontos que devem ser levados em consideração nessa fase de idealização do vídeo.

  1. Definir o público:
    Quero ser visto por qual público? Impactar quais pessoas? Isso diz muito sobre a linguagem adotada, os tipos de imagem captadas e como transmitir a mensagem.
  2. Definir o nicho:
    Quero ser reconhecido por ser um especialista em culinária, por exemplo? O que me diferencia dos canais que já existem hoje em dia? Buscar um diferencial é fundamental sob o risco de ser considerado mais do mesmo.
  3. Definir a linguagem:
    Se quero falar com um público jovem, então as minhas tomadas de cena podem ser cheias de movimentos, cores e impactantes do ponto de vista que o jovem se atrai por coisas carregadas de energia. Se quero transmitir uma mensagem a estudantes de concurso, minha abordagem será totalmente diferente, mais clássica e muito clara, pois é um conteúdo com caráter didático.
  4. Trabalhar título e descritivo do vídeo
    O título do vídeo é o seu cartão de visita. Saber trabalhá-lo adotando palavras-chaves relevantes nas buscas orgânicas é fundamental para alçar seu vídeo entre as primeiras opções do Youtube.

Outro ponto negligenciado por grande parte dos internautas que ingressam na produção de vídeos na internet é um texto descritivo bem feito. Por meio dessa descrição é possível divulgar importantes links como o site oficial da sua empresa, as redes sociais e demais meios que levem esse internauta até a sua página oficial.

Que tal conferirmos o próprio Camilo Coutinho nos dando dicas importantes sobre criação de conteúdo para vídeos? Clique no link e aprenda junto com a gente:

Guilherme Pinheiro é Analista de Web no IPOG e participou do evento


Artigos relacionados

Lições de um evento de Tecnologia e Inovação: Campus Party Brasília Nesse último final de semana estive imerso em um dos grandes eventos de tecnologia e inovação no Brasil: a Campus Party Brasília.  Como muitos profissionais e estudantes não puderam estar presentes, resolvi compartilhar o que aprendi por lá. Iot (Internet of ...
Por que é importante manter os princípios da comunicação no trabalho digital? Sem dúvida as novas tecnologias e a popularização do uso da internet abriram um leque gigante de possibilidades para os profissionais de comunicação. Para quem trabalha na área, é importante estar atualizado e conhecer os temas do momento, como marketing digit...
Ideias que merecem sair do papel O empreendedor e professor do IPOG Bruno Perin lança o seu terceiro livro “Sem Dinheiro: como construir uma start up com pouca grana”, trazendo sua experiência pessoal bem sucedida à frente de três modelos diferentes de start ups. Na obra, administrador explic...

Sobre Guilherme Pinheiro

Bacharel em Sistemas de Informação pela Universidade Federal de Goiás (UFG), Pós-Graduado em Marketing e Pós-Graduando em Empreendedorismo e Inovação Digital pelo IPOG. Atualmente é Analista Web no IPOG, responsável por indicadores (KPI's) e análises web. Professor de Excel Avançado, tendo atuado também no SENAC-GO. Microsoft Office Specialist em Excel, especialista em Marketing Educacional, certificado Google, Marketing de Conteúdo (Rock Content) e Inbound Marketing (HubSpot)

Comentários