Como o NUbank se tornou uma potência da comunicação digital
5 minutos de leitura
30 de janeiro de 2019

Como o NUbank se tornou uma potência da comunicação digital

Você ainda tem dúvidas que a Nubank é uma potência da comunicação digital? Para sim ou para não, esse artigo vai te surpreender.

Para você compreender o que estou falando, responda à seguinte pergunta: quantas pessoas já indicaram para você o cartão de crédito da Nubank?

A excelente fama do cartão roxo é, sem dúvida, por conta da comunicação digital cem por cento eficiente desta potente startup. Podemos, inclusive, dizer que o Nubank é uma espécie de Rodrigo Hilbert dos cartões de crédito.

Eles fazem tudo! Disponibilizam contas digitais, isenção de taxas e anuidade, brindes e presentes, realizam festival próprio, fecham parceria com vinhos, tem um design cool, dão dicas de viagem, tem um atendimento que é queridinho por todos, e são uma das 4 startups unicórnio do Brasil!

Só faltam fazer tricô! (juro que não encontrei defeitos e isso não é um #publipost)

O ponto-chave desse artigo é entender como uma boa estratégia de comunicação digital pode transformar empresas e profissões.

Não importa se você é um profissional de marketing, de design, de comunicação, de tecnologia ou um empreendedor.

Em uma época em que todos os brasileiros estão receosos e inseguros quanto a guardar ou investir seu dinheiro, o Nubank mostra que é possível confiar em uma instituição financeira até mesmo quando ela existe apenas no ambiente digital.

Vamos entender por que eles são tão bons?

Como surgiu o banco Nu

Nu. Isso mesmo, palavra que remete à nudez, transparência e a liberdade dos estigmas sociais. É do Nu que vem o Nubank, fintech ganhadora de diversos prêmios de inovação, startup, foco em cliente e outras categorias em apenas poucos anos no mercado.

A definição vem do próprio David Vélez, CEO e fundador da startup, que encontrou ainda outro significado para a nomenclatura da empresa: “Se você inverter as letras do começo fica Unbank ou não banco”, explicou em entrevista à Época Negócios.  

A empresa pode até ter nome de banco, mas tudo que é associado a essa palavra não existe no dia a dia, ou seja, nada de muita burocracia, filas, falta de atendimento, horas de espera no SAC e tudo aquilo que você, infelizmente, conhece.

O Nubank usa tecnologia de ponta para prestar serviços financeiros com otimização e boa performance para captar cada vez mais clientes por meio da internet e da comunicação digital.

Segundo Vélez, isso é só o começo da gama de produtos e serviços que eles estão dispostos a oferecer.

Além da NuBank, outras empresas vêm se destacando no mercado digital. Vamos conhecê-las?

Startups de sucesso:

  • Netflix;
  • Stone Pagamentos;
  • Airbnb;
  • Uber;
  • 99;
  • PagSeguro.

Esses são alguns exemplos de startups que vemos diariamente nas redes sociais, se destacando em posts interativos, respostas engraçadas e diálogos atuais, como dois amigos conversando. É justamente esse público que os investidores querem apostar.

Os millennials jovens entre 18 a 35 anos não estão dispostos a enfrentar todas as regras impostas pelo sistema (#matrix). Dessa forma, as empresas disruptoras conseguem, através de inteligência competitiva, prever o futuro e trazer soluções tecnológicas e digitais para devolver o tempo gasto em outras operações.

Entretanto, no começo não foi nada fácil. Implantar uma instituição financeira só na internet não fazia sentido para a maioria dos conselheiros de David, que chegou a escutar que a “internet era devagar no Brasil”.

Sabendo que o melhor do Brasil é o brasileiro, ele viu no boom das redes sociais a oportunidade de se destacar, buscando inspirações nas operações de atendimento ao cliente e comunicação digital de empresas como a Disney, Zappos, Google, Spotify e outros.

Foi a partir das ações de comunicação e benefícios que a empresa começou a trabalhar em um marketing digital orgânico e de grande repercussão.

Nubank, comunicação digital extra humanizada que inspira

busca-nubank

Se você procurar por “sanduicheira roxa” no Google, a próxima sugestão de palavra será Nubank.

Não. Eles não mudaram de banco para varejo. A “sanduicheira roxa” é o reflexo do ótimo atendimento ao cliente que a fintech possui.  

Segundo o site da revista Exame, a história foi mais ou menos assim:

“Um cliente entrou em contato, muito irritado, porque a compra de um sanduíche havia sido duplicada em seu cartão – um lanche pelo qual ele havia pago muito caro.

Depois de cancelar a cobrança duplicada, Thiago Bueno, que o atendeu, percebeu uma oportunidade.

Enviou para o cliente uma sanduicheira roxa, a cor do Nubank, com diversas receitas escritas à mão, “para que ele não tivesse mais que pagar caro por um sanduíche”, disse Thiago.”

Embora a solução da sanduicheira roxa seja a mais famosa da empresa, são inúmeros os casos de atendimento personalizado que fazem a fintech se destacar e ser uma das favoritas entre os jovens de até 30 anos, principal público ativo nos canais digitais.  

Enquanto apenas quatro bancos controlam 78,5% do mercado no Brasil, os clientes insatisfeitos se tornam porta-vozes da burocracia e do tempo de espera para resolução de seus problemas.

Quem nunca passou raiva com um banco que atire o primeiro dislike.

Digitalmente, a fintech viu no design e na tecnologia a oportunidade de redefinir a relação das pessoas com o dinheiro, devolvendo o controle financeiro de forma eficiente e intuitiva por meio do aplicativo disponível para diversos smartphones.

Sem qualquer ponto físico para contato com consumidores, como agências, stands e lojas, a startup mostra que a comunicação digital pode ser 100% eficaz no que diz respeito à criação de vínculos, empatia e identificação.

É possível criar afinidade com mídias sociais?

Sem dúvidas um bom atendimento renderá bons frutos. Seja uma compra recorrente, fidelização, indicação para amigos ou qualquer outra ação que certamente será positiva para a empresa.

Afinal, não conheço alguém que tenha reclamado de ser bem atendido.

comunicacao-digital-nubank

Se você faz compras online ou trabalha com comunicação digital, provavelmente, já percebeu o quanto é ruim enviar e-mais e mais e-mails e não ser respondido ou, ainda pior, ter sempre que responder os mesmo formulários chatos que estão na internet.

Se conectar com todas as engrenagens de estratégias de marketing digital é fundamental para avançar com sucesso em qualquer segmento das mídias online e offline.

No Nubank, a interação e resolução de problemas através das mídias sociais chama atenção (não sendo restrita apenas ao SAC, 0800 ou telefone).

atendimento-ao-cliente-comunicacao-digital

Dúvidas e reclamações podem ser resolvidas bem ali, no Facebook, Instagram ou Twitter.

Basta olhar a quantidade de seguidores do cartão roxo nas redes sociais para entender o resultado das interações, curtidas e comentários, gerando cada vez mais engajamento.

Marketing de relacionamento

Se você buscar pela hashtag #sounu no Instagram, irá se deparar com mais de 14,5 mil publicações de clientes e fãs declarados da marca.

Ao postar uma foto e contar uma história envolvendo o Nubank, essas pessoas promovem a marca e fortalecem a imagem da fintech com casos reais de suas experiências.

Tudo isso contribui para o boca a boca e indicação da empresa, já que a hashtag cria um hiperlink e promove o agrupamento de todas as publicações realizadas com um mesmo tema.

O marketing de relacionamento é uma área do marketing que oferece benefícios e vantagens para criar empatia com os clientes e obter fidelização da marca. Além de garantir que os consumidores se tornem verdadeiros fãs e divulgadores gratuitos da empresa.

Para isso, a companhia precisa implantar uma comunicação corporativa eficiente entre seus colaboradores e o público externo, pois o bom atendimento aumenta a chance da marca conseguir estabelecer rapport com o cliente.

Essa comunicação deve ser feita por meio de ações direcionadas aos clientes para que eles sintam que fazem parte da empresa e entendam que os serviços oferecidos são essenciais também para seu dia a dia.

Isso aumenta a probabilidade de que eles se tornem promotores da empresa em consequência do bom atendimento e ótimo serviço que receberam!

Segundo a Buzzlead, 92% das pessoas que receberam uma indicação de um amigo ou familiar confiam totalmente na propaganda.

Entendeu como o Nubank é líder em comunicação digital?

E o que você tem a ver com tudo isso?

Tudo!

Se você quer empreender ou ingressar na área de Comunicação Digital, deve conhecer cada vez mais sobre Marketing de Conteúdo, de Influência, de Relacionamento, Inbound Marketing e mídias sociais.

O Nubank é um ótimo exemplo para se inspirar e, quem sabe, até tentar uma vaga na empresa!

Você sabia que a fintech está em primeiro lugar na maioria dos rankings das empresas mais amadas por brasileiros?

Para isso, estar à frente é mais que necessário!

Qualifique-se e invista em cursos de profissionalização, como graduação, cursos livres e pós-graduação. O IPOG, admiradora do Nubank, tem um curso especial para você: o nosso curso em Marketing Digital.

Que tal investir alguns minutos do seu tempo para seu futuro?

Estamos lhe esperando.


Artigos relacionados

Professor do IPOG relata pontos altos do RD Summit– maior evento de marketing digital da América Lat... O Instituto de Pós-Graduação e Graduação (IPOG) marcou presença na edição 2017 do RD Summit, realizado de 18 a 20 de outubro, na capital Florianópolis (SC). Considerado o maior evento de Marketing Digital da América Latina, o evento reúne em três dias grandes ...
Big Data: qual é a sua importância para as empresas? Você sabe o que é Big Data e por que a sua empresa precisa se atentar a ele? Antes de entrar de vez no assunto, consideremos algumas informações importantes. Consideração 1: Atualmente vivemos uma revolução na área de geração e armazenamento de dados, a qua...
Diretor da QPrime relata sua trajetória de sucesso após o IPOG O que você precisa para dar continuidade aos seus estudos? A história que iremos compartilhar hoje pertence ao Raimundo Ribeiro Mendes, 47 anos, proprietário e diretor da QPrime, empresa especializada em impressão e manutenção de impressoras. O nosso objetivo ...

Sobre Nino Carvalho

É consultor, professor e palestrante internacional. Doutorando em Mídias Digitais pela Universidade do Porto (PT) e University of Texas at Austin (EUA), Mestre em Management pelo IBMEC e pós-graduado/especialista em Marketing e Estratégia pelo Chartered Institute of Marketing (CIM, UK).

Comentários