Graduação em Engenharia: profissões em alta no mercado nacional
5 minutos de leitura
18 de fevereiro de 2020

Graduação em Engenharia: profissões em alta no mercado nacional

Graduação em Engenharia: profissões em alta no mercado nacional

Você sabia que engenharia é a área que mais aparece num estudo sobre a demanda por profissionais de nível superior para o futuro no Brasil?

O ranking divulgado na revista Exame mostra um mercado bastante favorável para quem investir numa graduação em engenharia. Por essa razão, se você gosta desse campo, e está buscando um curso de graduação de excelência para alavancar sua carreira, este texto é para você.

Graduação em Engenharia: profissões em alta no mercado nacional

Mercado de trabalho: quais são as melhores engenharias?

Não há uma resposta precisa sobre qual graduação em engenharia é a melhor. Isso pode variar em função dos critérios eleitos para avaliar. Um curso pode ser melhor segundo a remuneração, a demanda mercadológica nacional ou internacional, se isso for uma opção. 

Ademais, as melhores engenharias também podem ser definidas em função dos segmentos em que você tem interesse, afinidade. Vale considerar também os benefícios e diferenciais oferecidos pela instituição de sua escolha. Afinal, serão cinco anos dedicando seu tempo e esforço para os estudos.

Vejamos os dados da pesquisa divulgada na Exame que informa a carência de profissionais de engenharia no Brasil até 2023:

Graduação em Engenharia: profissões em alta no mercado nacional

Com o gradual reaquecimento da economia do Brasil, espera-se que o país volte a crescer, e esse crescimento implica ampliação de diversos setores, notadamente a geração de obras de infraestrutura, o que significa mais vagas para profissionais diversos, em especial da Engenharia Civil.

Quais são os tipos de engenharia?

A revista Guia do Estudante lista 34 categorias de graduação em engenharia que você pode fazer no território nacional. Vejamos:

  • Engenharia Aeronáutica
  • Engenharia Ambiental
  • Engenharia Cartográfica
  • Engenharia da Computação
  • Engenharia de Alimentos
  • Engenharia de Controle e Automação
  • Engenharia de Horticultura
  • Engenharia de Minas
  • Engenharia de Petróleo e Gás
  • Engenharia de Segurança do Trabalho
  • Engenharia Elétrica
  • Engenharia Florestal
  • Engenharia Industrial
  • Engenharia Mecatrônica
  • Engenharia Naval
  • Engenharia Sanitária
  • Engenharia em Tecnologia Têxtil e da Indumentária
  • Engenharia Acústica
  • Engenharia Agrícola
  • Engenharia Biomédica
  • Engenharia Civil
  • Engenharia em Agrimensura
  • Engenharia de Aquicultura
  • Engenharia de Energia
  • Engenharia de Materiais
  • Engenharia de Pesca
  • Engenharia de Produção
  • Engenharia de Telecomunicações
  • Engenharia Física
  • Engenharia Hídrica
  • Engenharia Mecânica
  • Engenharia Metalúrgica
  • Engenharia Química
  • Engenharia Têxtil

Quanto ganha um engenheiro?

A remuneração total para quem cursou uma graduação em engenharia é afetada pela especialidade, pelo nível do cargo (trainee, júnior, pleno…), pelo porte da empresa em que trabalha e muitos outros fatores.

No entanto, segundo a Lei nº 4950-A/66 fica estabelecido o salário mínimo profissional para engenharia da seguinte maneira:

  • Jornada de 6 horas: 6 salários mínimos
  • Jornada de 7 horas: 7,25 salários mínimos
  • Jornada de 8 horas: 8,5 salários mínimos

Conheça a graduação em engenharia do IPOG

Pensando em quem deseja fazer um bacharelado em engenharia, o IPOG (Instituto de Pós-Graduação e Graduação), com tradição em ensino no Brasil, oferece a Graduação em Engenharia Civil, na modalidade presencial.

O IPOG é uma instituição reconhecida pelo Ministério da Educação, e na sua graduação em Engenharia Civil busca investir o máximo em subsídios para o desenvolvimento das habilidades e competências necessárias para o exercício profissional e em nível diferenciado, em relação às demais instituições.

Diferenciais 

Na área de engenharia, o bacharelado do IPOG conta com os seguintes diferenciais:

  • Professores com experiência acadêmica e de mercado;
  • Metodologias didáticas apropriadas;
  • Excelente infraestrutura;
  • Laboratórios específicos;
  • Disponibilização de módulos de pós-graduação para ser cursados na modalidade de Extensão (3/semestre);
  • Disponibilização de Cursos de Aperfeiçoamento Profissional gratuitos aos alunos (9 CAPs previstos para 2020);
  • Visitas técnicas locais e em outros estados;
  • Curso de inglês gratuito;
  • Laboratório de mídias funcional;
  • NDE e COL atentos às novas tendências e metodologias didáticas;
  • Docentes comprometidos com o efetivo aprendizado dos alunos;
  • Diretoria e mantenedora fornecendo suporte para modernas implementações;
[A graduação em engenharia do IPOG possui laboratórios essenciais, como o de concreto]

Nesse laboratório são desenvolvidas aulas práticas importantes sobre os desafios nos usos do concreto, técnicas modernas que garantem mais estrutura, segurança e otimização para que não ocorram fissuras e, consequentemente, reparos e custos adicionais.

Sendo um dos princípios básicos da engenharia a busca por soluções, um laboratório de concreto é imprescindível não apenas como ferramenta de preparo para a realidade diária da profissão e demanda mercadológica como também é um espaço para experimentação, desenvolvimento de pesquisas e descoberta de inovações.

Quais são os principais cursos em Engenharia?

Diante de um mar de possibilidades que é a área de Engenharia, muitos estudantes ficam indecisos sobre qual graduação escolher. Confira abaixo uma descrição resumida de algumas áreas mais conhecidas e procuradas:

Engenharia Civil

É um curso voltado para formar um profissional responsável por obras urbanas e de infraestrutura. O engenheiro projeta e gerencia o processo de construção de edifícios, pontes, viadutos entre outros. 

É praticamente impossível pensar em desenvolvimento urbano, sem considerar o papel fundamental do engenheiro civil. 

Engenharia Ambiental

Como o próprio nome já indica, o foco central do profissional deste curso é a criação de soluções sustentáveis e preservação dos recursos naturais como a água e o solo em diversos tipos de empresas.

Engenharia de Produção

O foco deste curso é formar um profissional capaz de buscar e propor soluções para alavancar a produtividade, através da melhoria de processos.

Diversos setores buscam esse profissional para conseguir melhoria na utilização dos recursos e obter uma receita maior, com otimizações e resolução de gargalos.

Engenharia da Computação

Essa graduação tem como objetivo preparar o estudante para atuar com a criação de hardwares e operações com processamento computacional. O profissional pode ainda atuar ofertando assistência e manutenção.

Engenharia Elétrica

O engenheiro eletricista tem como função projetar e cuidar da geração de energia elétrica e sua distribuição. A busca por eficiência energética é um dos pontos centrais na rotina desse profissional.

Assim como a energia é fundamental em diversos setores, o engenheiro eletricista tem múltiplas possibilidades de atuação.

Engenharia Mecânica

Esse segmento da Engenharia está voltado especialmente para a indústria, afinal, a rotina do profissional é baseada na criação, fabricação e gestão de maquinário, veículos e ferramentas diversas que são usadas nas operações industriais.

Há um leque de possibilidades para escolher! Confira em mais detalhes a graduação em Engenharia Civil, a número 1 da nossa lista acima.

Grade curricular da graduação em Engenharia Civil

Quem deseja se tornar engenheiro precisa gostar da área de Exatas, em especial de cálculos; afinal, essa é uma parte importante da sua trajetória nessa formação. 

Além disso, o engenheiro civil lida com muitas vertentes, já que a base do campo de engenharia é a busca por soluções de problemas e aproveitamento de oportunidades de forma segura e otimizada.

Assim, ao se graduar e obter registro no CREA, esse profissional está apto a atuar em várias áreas e em diversas atividades especializadas. 

Vejamos algumas disciplinas que integram o fluxograma curricular do curso de graduação:

  • Introdução à Engenharia
  • Construção Civil
  • Cálculo Diferencial e Integral
  • Materiais de Construção
  • Sistema Elétrico Predial
  • Sistemas e Projetos Estruturais
  • Estradas
  • Computação Aplicada
  • Ciência e Tecnologia dos materiais
  • Planejamento e Controle de obras
  • Geotecnia
  • Hidráulica
  • Desenho Técnico
  • Fundações
  • Saneamento
  • Transportes
  • Meio Ambiente

Áreas de atuação do Engenheiro Civil

Como dissemos, o profissional tem diversas opções e pode trabalhar com edifícios, pontes, galpões, estradas, viadutos, aeroportos, linhas de transmissão, barragens, coberturas, estações de tratamento (água e esgoto), sistemas de drenagem, túneis, bueiros, instalações, torres de telefonia etc.

E então? A graduação em Engenharia é sua próxima parada rumo ao sucesso? Se quiser saber mais detalhes sobre o nosso curso de Graduação em Engenharia ou tirar dúvidas, entre em contato conosco!

Gostou deste artigo sobre Graduação em Engenharia? Confira outros conteúdos que separamos especialmente para você:

IPOG – Instituto de Pós-Graduação e Graduação

Instituição de ensino com nome e reconhecimento de excelência no mercado, o IPOG fará total diferença no seu currículo. O IPOG conta com diversos cursos de ensino superior e tem em seu quadro docentes de renome. 

A proposta do IPOG é de um ensino humanizado, que estimule o desenvolvimento das potencialidades de cada aluno e otimize o seu plano de carreira e de vida. 

O Instituto está presente em todos os estados do país e no Distrito Federal. Já possui quase 20 anos de experiência na formação de grandes especialistas.

Não deixe de investir no seu futuro e se tornar o profissional com que sempre sonhou!

Artigos relacionados

7 ferramentas de logística que ajudam a otimizar processos Em uma era cada dia mais tecnológica e dinâmica, escolher ferramentas de logística que contribuam para a eficiência dos processos e otimizem a administração é um desafio.  No ano de 2020, todas as indústrias e todos os segmentos de mercado foram afeta...
Domoterapia: a arte de curar ambientes ao longo da História O termo DOMOTERAPIA, deriva do Latim “DOMUS”, que significa Casa, Imóvel e da palavra Grega “THERAPEI”, que significa cura. ”DOMUS”’ era o nome dado às as casas particulares, onde moravam os cidadãos mais ricos no tempo do Império Romano. É uma das artes ma...
Saúde e segurança do trabalho: saiba as diferenças entre as normas OHSAS 18001 e ISO 45001 Elementos fundamentais para o bem-estar e a qualidade de vida, a saúde e a segurança do trabalho operam de maneira interligada nas empresas. Elas atuam diretamente na produtividade do colaborador e, por isso, são pontos de atenção para a gestão. E, para qu...

Sobre Assessoria de Comunicação

Equipe de produção de conteúdo.

Comentários