Enfermeiro empreendedor? É possível!
5 minutos de leitura
10 de setembro de 2018

Enfermeiro empreendedor? É possível!

enfermeiro empreendedor

Empreendedorismo na área de enfermagem é um segmento crescente no mercado de cuidados de saúde. Foi-se o tempo que enfermeiro só tinha a opção de trabalhar em hospitais e unidades de saúde.

Hoje, o leque de atividades que esses profissionais podem atuar está muito mais aberto. Promissor também! Cada vez mais é possível observar empreendedores nesse ramo de atividade. Então, que tal ser um enfermeiro empreendedor?

Sim, é possível! Enfermeiro também pode ser um empreendedor!

É o que conta o professor Vandré Mateus. Ele é coordenador dos cursos de pós-graduação do Instituo de Graduação e Pós-graduação do IPOG:

“Tomar a decisão de realizar um curso, fazer uma pós-graduação, realmente demonstra que o indivíduo pensa em seu crescimento profissional e visa desenvolver projetos estruturados que irão trazer ótimos resultados para a instituição e principalmente para os pacientes, em termos de saúde”, comenta o coordenador.

Diferente do que a maioria das pessoas pensa, empreender não é apenas sinônimo de abrir um negócio próprio. Claro que abrir uma nova empresa é uma das formas de empreendedorismo, contudo, também é possível o enfermeiro empreender dentro do próprio hospital em que já trabalha, como explica Vandré Mateus. Para ele, existem muitas áreas promissoras e carentes de profissionais especializados.

Além das atividades relacionadas ao cuidado direto dos pacientes, o profissional da enfermagem deve ter outros focos, propondo e atuando em novas áreas”,  afirma Vandré, citando algumas delas:

  • Controle de infecção hospitalar;
  • Gerenciamento de riscos e núcleo de segurança do paciente;
  • Padronização e compras de materiais médicos hospitalares;
  • Membro técnico e/ou efetivo de comissões hospitalares;
  • Entre outras atividades.

Que é possível ter uma carreira empreendedora você já sabe. Agora, se de toda forma você tem aquele sangue empreendedor pulsando nas veias e quer desenvolver o próprio negócio, pensamos também nessa possibilidade.

Aproveite, preparamos algumas dicas de negócios e oportunidades para você:

Oportunidades de mercado para o enfermeiro empreendedor:

1) Home Care ou Daily Care:

Nestas duas oportunidades de negócio, o enfermeiro vai até a casa do paciente para fazer o atendimento ou em eventos. É um atendimento especializado que pode ser realizado em pessoas de todas as idades. O enfermeiro pode ser chamado para atividades diversas como:

  • Fazer um curativo;
  • Orientação e cuidados pós-operatórios e pós-parto;
  • Amamentação;
  • Educação em saúde;
  • Primeiro banho de recém-nascidos e idosos;
  • Entre outras atividades.

2) Cuidados à terceira idade:

O enfermeiro pode se especializar no atendimento geriátrico e auxiliar famílias no cuidado com idosos. Nesta área, o profissional pode realizar atividades que vão desde a socialização até a reabilitação e acompanhamento de pacientes.

3) Child Care:

Muitos pais se sentem inseguros em deixar os filhos em creches e berçários. Por isso, podem contratar enfermeiros particulares para os pequenos. Outra oportunidade para estes profissionais é o atendimento dentro das próprias creches como:

  • Realização de assistência integral aos alunos;
  • Análise de práticas e cuidados;
  • Formulação de planos de atuação para redução de doenças prevalentes na infância;
  • Capacitação e treinamento de equipe.

4) Atendimento corporativo:

O profissional de enfermagem pode atuar dentro de empresas na área de saúde do trabalhador. Além de desenvolver projetos e políticas de segurança do trabalho dentro das empresas que incluem atividades de primeiros socorros, análises ergonômicas, entre outras.

5) Promoção de eventos educacionais em saúde:

Os profissionais da área de enfermagem também podem trabalhar no desenvolvimento de projetos educacionais em saúde para empresas como: ministrar palestra sobre prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, cuidados com o corpo e higiene, entre outras atividades.

6) Consultoria e treinamentos

O enfermeiro pode abrir o seu próprio negócio para ensinar e assessorar outros profissionais e orientar instituições de saúde que oferecem serviços de enfermagem. Nessa categoria é fundamental que o enfermeiro empreendedor tenha expertise prática na área, conhecimentos sólidos de gestão e capacidade para tomar decisões estratégicas.

7) Consultórios e Clínicas de Enfermagem:

Uma grande oportunidade para enfermeiros que desejam empreender é abrir seu próprio consultório ou clínica de Enfermagem. Em fevereiro deste ano, o Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) regulamentou o funcionamento dos consultórios e clínicas de Enfermagem por meio da Resolução 568/2018 .

De acordo com o regulamento anexo a Resolução 568/2018, o Cofen define:

a) Clínica de Enfermagem – estabelecimento constituído por consultórios e ambientes destinados ao atendimento de enfermagem individual, coletivo e/ou domiciliar.

b) Consultório de Enfermagem – área física onde se realiza a consulta de enfermagem e outras atividades privativas do enfermeiro, para atendimento exclusivo da própria clientela.

Art. 3º. Os Enfermeiros, quando da atuação em Consultórios e Clínicas de Enfermagem, poderão realizar as atividades e competências regulamentadas pela Lei nº 7.498, de 25 de junho de 1986, pelo Decreto nº 94.406, de 08 de junho de 1987, e pelas Resoluções do Conselho Federal de Enfermagem.

Dessa forma, o enfermeiro empreendedor pode atender sua clientela em estrutura própria, mas para isso é preciso:

Orientação 1: Em Clínicas de Enfermagem deve ter um Enfermeiro Responsável Técnico (ERT) inscrito no Conselho Regional de Enfermagem e a Certidão de Responsabilidade Técnica (CRT) emitida;

Orientação 2: O Consultório de Enfermagem e Clínicas de Enfermagem devem ter obrigatoriamente registro no Conselho Regional de Enfermagem. E as clínicas que oferecerem Serviços de Enfermagem e/ou Consultas de Enfermagem devem ter autorização dos órgãos sanitários competentes.

Requisitos para ser um enfermeiro empreendedor de sucesso

A carreira de enfermeiro empreendedor exige criatividade, trabalho árduo e fortes habilidades empresariais. Por isso, para ter sucesso profissional é fundamental adquirir conhecimento sobre o mundo dos negócios, como marketing, contabilidade e gestão. Tenha também boa capacidade de comunicação e relacionamento com pacientes e funcionários.

Sendo um enfermeiro empreendedor você tem mais liberdade de definir seus horários, autonomia para determinar locais para exercer a profissão e mais flexibilidade para desfrutar da vida profissional do que outros enfermeiros que não são empreendedores.

O enfermeiro empreendedor usa seu conhecimento técnico, experiência e demandas da área da saúde para desenvolver seu próprio negócio.

Invista em conhecimento

Faça treinamentos, cursos ou especializações relacionadas às áreas de: empreendedorismo, marketing, contabilidade, gestão;

Conheça o mercado que você deseja investir

Pesquise e leia sobre tudo que puder sobre essa atuação, como começar o seu próprio negócio, o que enfermeiros de sucesso fizeram para alcançar a posição atual, o que as empresas que fracassaram fizeram ou deixaram de fazer. Estude bem os profissionais e o campo que quer entrar;

Avalie se é financeiramente rentável

Avalie a sua ideia e desenvolva uma empresa inovadora que atenda e supere as expectativas dos seus clientes. Reflita:  O que você acha que faria você ter sucesso nesse negócio?

Conheça bem esse mercado

Quem são seus concorrentes? O que você vai oferecer é inovador? O seu negócio oferece soluções que outras empresas não oferecem?

Conheça o seu público-alvo

Quem você quer atingir? Qual serviço esse possível cliente necessita de você?

Aposte em consultoria

Contrate uma empresa de consultoria para ajudar a tirar o seu negócio do papel. É sempre bom contar com a expertise de outros profissionais que já estão no mercado;

Não tenha medo de errar

Empreender também é assumir riscos, esteja preparado para assumi-los e disposto a aprenda com os erros.

Seja humilde

Aprenda a receber e aceitar críticas. Isso faz parte do processo construtivo do seu negócio e pode ser valioso;

Outras dicas…

  • Crie um plano de negócios bem definido e execute-o;
  • Desenvolva estratégias de investimento bem-sucedidas;
  • Ofereça produtos e ou serviços que o mercado demanda;
  • Seja focado em cuidar e resolver os problemas dos seus clientes;
  • Seja confiante em sua capacidade de ser um agente de cuidados e de mudança.

Descubra oportunidades para ser um enfermeiro empreendedor. Acredite, cuidar pode ser o seu maior e melhor negócio!


Sobre Vandré Mateus

Farmacêutico há 19 anos pela Universidade Camilo Castelo Branco - SP; Mestre em Ciências da Saúde com ênfase em Atenção Farmacêutica; Especialista em Farmácia Hospitalar e Farmácia Clínica pela Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar; Capitão Farmacêutico do Hospital da Polícia Militar do Estado de São Paulo; Vice-Presidente da Sociedade Brasileira de Farmácia Hospitalar; Consultor de empresas no Ramo Farmacêutico. Professor e coordenador dos cursos de pós-graduação em Atenção Farmacêutica e Farmácia Clínica e Farmácia Hospitalar & Serviços de Saúde do IPOG.

Comentários